quarta-feira, 29 de agosto de 2012

28 semanas e alguma ansiedade!

Hoje foi dia de consulta no MF.

Pelas contas dele engordei 9kg e sinceramente começo a ficar chateada por me aborrecerem com o peso que ganho. Se tu e eu nos sentimos bem, se as análises estão perfeitas e ainda não rebolo nas descidas porque tenho de ouvir sempre a mesma história? Tenho comido de forma saudável e pouco porque começo a ficar com o estômago comprimido pelo que não vou fechar a boca quando tenho fome... Aqui só há uma pessoa que importa e essa pessoa és tu. Se estou gorda - não me sinto NADA gorda - é um assunto no qual vou reflectir quando nasceres - se tiver tempo para pensar nisso. Já sabia de antemão que iria chegar com facilidade aos 80kg e não me livro de chegar aos 85... Sempre o soube mas também a relação que tenho com o meu corpo está muito bem resolvida na minha cabeça para ter este à vontade com o peso. Sempre fui magra até há ano e meio atrás quando comecei a engordar por bons motivos (deixar de fumar e agora a gravidez) pelo que não vejo isto como um bicho de 7 cabeças. De todo!

Sinto-me sim, fenomenal, sexy e linda!

Já não bastava a tua avó L. sempre com a conversa do peso... Chiça! 

De resto as análises estão formidáveis e depois de me ouvir queixar do cansaço, falta de ar e ataques de ansiedade perguntou-me se eu precisava de mais alguma coisa.

"Baixa!!! Pede a baixa!!!" - gritava o meu "eu" interior.

- Nada, Dr. Estamos bem...

- Pronto, se precisares de algo sabes onde estamos. - disse ele.

Pelo que me vou aguentar mais umas semanas, pelo menos até às 32/33 mais que isso acho que não consigo.

Sinto-me extremamente cansada - não é pesada, atenção - mas sim cansada e irritadiça!

Como costumo dizer, por mim enfiava-me já na toca e só saia de lá quando fosse para te ensinar a caçar tal como os bichos...

Ainda nos esperam 12 semanas e com elas muita ansiedade. Não de te ter mas sim do que ainda falta tratar do teu quarto, de não ter tudo pronto a tempo e horas, do trabalho no escritório, do que ficará por fazer, do que já me custa fazer, não ver nada terminado no tempo que quero...

Não tenho medo algum do parto e sei que tudo irá correr bem, que quando te virmos pela primeira vez muitas dúvidas dissipar-se-ão e outras surgirão mas que no fim saberemos o que fazer para que estejas bem e feliz...  Preciso sim, antes do grande dia, de ter uns momentos a sós e preparar-me. No fundo não passa de um trabalho mental que preciso de fazer por nós e no fim o instinto que necessito que venha à tona quando respirares pela primeira vez o mesmo ar que eu.

Até lá, levo umas grandes "sovas" tuas dentro da minha barriga :)




6 comentários:

Ly* disse...

Estar grávida tem muitas vantagens, certo. Mas aquilo que "estraga" tudo é termos que ouvir sempre comentários das pessoas que acham que estamos gordas, que estamos magras, que comemos bem, que comemos mal, que fazemos isto, que fazemos aquilo, etc...

Katy disse...

É dificil ouvir os outros sempre a pôr defeitos e a dizerem que sabem melhor, mas no fundo és a mãe, és quem tem de se sentir bem, e tu sentes-te, por isso caga nisso linda. Eu não te acho NADA gorda, acho-te sim uma grávida muito sexy (como já te tinha dito), com uma barriguinha linda e perfeitinha de tão redondinha que é, e acho que não deves ouvir essas coisas. Faz como eu, a minha mãe já me disse tantas vezes que podia perder peso que quando ela começa com essa conversa na minha cabeça penso noutra coisa. Quando ela acaba de falar digo "sim", mas não ouvi nada xD

E devias ter pedido baixa se te sentes tão cansada, só te ía fazer bem ter menos stress. Tenta descançar ao máximo e pede umas massaginhas ao teu marido :)

Um beijinho!

Pobre(o)Tanas disse...

Ly, nunca pensei que as pessoas ao redor iam dar mais trabalho que planear e/ou tratar de tudo para a chegada de um bebé. Há 3 dias ouvia que tinha a barriga grande demais para o tempo, hoje ouço que está pequena. Que deveria fazer assim mas assado também é melhor... Oh santa paciência! Vão fazer crochet!

Beijinhos

Pobre(o)Tanas disse...

Katy, minha linda, obrigada pelos teus elogios e pois claro que também me sinto bem eh eh eh :D Olha a minha mãe tb anda sempre com a mania das dietas pelo que deves ter noção do que ouço: "Não engordes!", "Mas mãe tenho comido coisas saudáveis e tal...", "Sim mas não engordes!"... EPAH!!! O corpo é meu e como disse estou muito bem resolvida com o que tenho. E se futuramente me vou queixar? Claro que sim! Quem não se queixa das maleitas aquando a velhice mas que quando se era novo nem se pensava nisso? Quando me lembrar logo vejo mas por agora, neste momento, este corpo é para a minha filha se formar! É um casulo. Ponto!

Aiiii o que temos de aturar!!! Ah e quando perguntas à tua "Já olhaste bem para ti?" ela não te responde "Ah mas tenho 50 e tal anos e já pari duas vezes..." IRRA!

Katy disse...

AHAHAH igualzinho!! Mas a minha não é só que já pariu duas vezes, a minha é "Mas eu tenho 50 e tal anos, pari-te a ti e á tua irmã e já tou velha!", mas vai dar tudo ao mesmo xD

Pobre(o)Tanas disse...

A minha como não quer encarar a velhice não fala dela...