quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Saudades... E outros sentimentos que não controlamos!

Acho que todas as mães passam por isso.

Querer que vocês durmam mais um bocadinho para elas descansarem mas quando dormem mais do que o esperado andamos louquinhas para que acordem. São saudades!

Chegas a dormir aqui perto de mim, eu posso ver-te e tocar-te até mas tenho saudades de te pegar, beijar, de te ver sorrir, de sentir o teu cheirinho mesmo encostadinha a mim. Mas não te acordo. Estás a crescer!

Já nada faria sentido sem ti aqui connosco. E por vezes, numa de masoquismo inconsciente, dou comigo a pensar no que faria se alguém te fizesse mal, se algo te acontecesse e até tremo, ranjo os dentes, fico com tiques oculares. Tenho de me sacudir, toda eu, para tirar esses pensamentos da cabeça e voltar à feliz realidade da tua existência nas nossas vidas, no nosso ninho. Tenho de me capacitar que apesar de tudo o mundo ainda nos pode surpreender pela positiva e ter, efectivamente, um local pacífico onde te possamos criar.

Por vezes acho que não merecia tanto e que toda esta felicidade um dia me é tirada por ser de mais para um coração só, que nesta vida ninguém pode ser tão feliz assim como sou, que as coisas têm de ser racionadas. Mas recordo-me que tanta gente ruim neste mundo tem tudo o que quer, é feliz e sai impune, porque haveria eu de sofrer alguma perda se sigo o meu caminho sem melindrar, usurpar, atacar quem quer que seja? Porque não sou merecedora de tal quantidade de sentimentos que afloram o coração? Porque não poderei eu ser feliz contigo e com o teu pai? Mereço sim!

Passamos dias, meses, anos em busca da "felicidade" e não vemos que esta se encontra mesmo à nossa frente. No sorriso dos filhos, no abraço do marido, na força que a nossa família nos traz quando o dia corre mal e precisamos de colo. Por termos saúde e estarmos unidos. Pelos amigos. Pelos nossos bichos. Porque sentimos! Porque simplesmente somos providos de sentidos que nos guiam para a luz.

Passamos dias, meses, anos em busca da "perfeição". Muitas vezes não seguindo o coração. Muitas vezes cheios do que os outros disseram e que nós acabámos por adquirir como a nossa verdade. Repletos de teorias, limitações, esquemas para alcançar a perfeição sem nunca alcançar nada. Esta encontra-se em tudo ao nosso redor que construímos. No infringir regras de manuais. No que temos de bom para dar. No que nos envolve. A perfeição é tudo o que somos e podemos dar ao próximo. O amor que teima em encher o peito! O ar que inspiramos e nos alimenta os sentidos. 

Como tal, abro os olhos, sorrio e assim que acordas dou-te colo. Dou-te todo o colo, carinho, sorrisos, abraços, beijinhos que quiseres. Agora e sempre. Porque faz bem, aconchega, protege. Não ganhas manhas por isso. Sempre que queiras a mamã dá mimo, disso não tenhas dúvidas! Porque com ele mato saudades de ti e afasto todos os pensamentos nefastos do mundo onde acordaste! Porque somos ainda mais felizes. Porque tu sorris e eu também. Porque é bom e isso chega!


Chambao - Ahí Estas Tu










10 comentários:

OrquideaBranca* disse...

e a isto se chama mãe babada :P hihi

OrquideaBranca* disse...

R: mas há pessoas que não fazem nada de mal. lutam por tanto...e depois vão-se!!! deixam cá quem os ama, quem precisa deles!!!

Neuza disse...

Lindo :-)
Adorei!!!
Cada pessoa tem o que merece na realidade, se es feliz e tens tudo o que achas que é felicidade, é porque mereces e nada melhor que aproveitares cada segundo daquilo que a vida te proporcionou :-) o que tem que ser nosso nosso será!
Beijinhos

Nany disse...

Palavras de uma mãe completamente apaixonada pela sua filhota e babada também.
Gosto muito de ler o amor que lhe tens.
Bjs

Catita disse...

Minha querida, que palavras sábias e tão verdadeiras. Procuramos sempre a felicidade e a perfeição nos sítios errados e das formas mais irreais, quando estão mesmo à nossa frente e nas coisas mais pequenas e de formas que não controlamos. O amor de uma mãe por um filho é a coisa mais bela, verdadeira que revela a perfeição que pode existir num relacionamento e reflete a felicidade suprema que existe no mundo.

Pobre(o)Tanas disse...

Obrigada :D

Pobre(o)Tanas disse...

Mas pensa que se assim o é, será porque são precisos noutro lado para viverem coisas boas tb ;)

Pobre(o)Tanas disse...

Uma grande verdade: o que tem de ser nosso, nosso será! Por isso mesmo aguardo pacientemente pelas coisas, luto, claro mas aguardo tb :)

Pobre(o)Tanas disse...

Como digo, nem sei como o coração aguenta tanto! <3

Pobre(o)Tanas disse...

Aiii é das melhores sensações do mundo, acredita! Já experimentaste um pouquinho, a cada dia que passa aumenta, quando nascer estranha-se, depois entranha-se... Tão bom! Tão perfeito!