sábado, 23 de março de 2013

Coisas tuas na hora da mama!


Agora a mania é outra.

Enquanto te dou mama não posso falar e só posso olhar para ti.

Estou neste momento a relembrar-me e já me estou a rir.

Todos os dias há uma mamada em que aproveito e vejo televisão, estás mais tempo ali na chucha (à noite também o fazes antes de dormir) e ali estamos à vontade uma hora ou mais num namoro pegado.

Porém há umas semanas que não posso dizer nada que tu paras tudo o que estás a fazer e olhas para mim com um ar sério que me dá vontade de soltar logo uma gargalhada. E solto, claro! Depois ris também, enfias a cara junto ao meu corpo, esfrega-la e voltas à mama toda feliz. Se volto a falar, tiras novamente a mama e recomeçam as risadinhas de ambas as partes. Por isso e para não te atrapalhar tenho optado por não dizer nada para te concentrares. 

Há uns dias para cá ainda acrescentaste outra esquisitice à hora da mamada. Nada de olhar a não ser para ti. Se olho para a televisão, largas a mama e volta a cara séria até nos deixarmos rir, se olho para o teu pai, idem. Por isso tenho de me manter a olhar para ti. Tu de lado vês se continuo a olhar e se assim for ficas a mamar como se nada fosse...

Tudo isto passa-se de mãos dadas, claro! Nem a festa se fazia de outra forma! :)


















(Imagem da Web)


Opah mas quem foi a alma peregrina que disse que ter filhos era algo do outro mundo, dificil e que se instalaria o caos? Fogo! Não troco estes momentos por nada que a vida sem ti me pudesse proporcionar!

Pensar nisso até pode ser considerado crime!





8 comentários:

IzZie disse...

<3

ML disse...

Mágico! Esses momentos são mágicos!

Gaiatas disse...

Marota! :D
Por aqui também não posso falar nem meter-me com ela enquanto bebe o biberão, senão começa a risota! lol :b

Katy disse...

Que momentos bons :) só de te ler fico com a pele arrepiada!

Neuza disse...

Eles são uns espertalhões, os meus sobrinhos também tiveram manhas e ainda hoje me rio à custa de algumas!! E ficam tão giros com cara de admirados a olharem para nós...
Beijokas
*Lá no meu cantinho tenho um selinho pra ti :-)

Pobre(o)Tanas disse...

Obrigada! São estes momentos que nos enchem a alma! :)

Neuza, obrigada querida! Vou ver :D

Catita disse...

Maravilhoso. Estes momentos são tão especiais e de tal cumplicidade que ficam gravados para a posteridade. Fico embevecida cada vez eu leio os relatos destes momentos que vocês partilham.

Pobre(o)Tanas disse...

Catita, mais umas semanas e és tu a escrevê-los ;)