segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Só tenho motivos para estar feliz :)


Afinal voltei mais depressa do que tinha programado :)

Aliás, programar coisas é o que gosto de fazer mas pouco ou nada tem saído como previsto!

Este espaço era para ficar em stand-by ainda uns bons tempos, até me sentir preparada para o agarrar novamente e levar as nossas aventuras até aqui, no entanto regressei bem mais cedo, de sorriso rasgado, alma cheia e barriga preenchida :P

Pois é, tivemos um "imprevisto" e vem daí brinde :)


São poucas as pessoas que sabem, é algo tão recente daí que tenha pensado e repensado se iria expor já, porém achava injusto ter feito com a E. logo de início e não fazer com o bebé! Acho que já começam os devaneios e medos de mãe que talvez dê mais a um que a outro :P

Pelo que vou já documentar cada momento desta segunda experiência para que fique tudo registado como foi da primeira. Ou pelo menos tentar pois que com a E. e tanto que nos espera nos próximos meses, o tempo escasseia.

Mas vamos lá contar como foi:

Este nosso filho/a surpresa, não estava de todo programado/a mas sempre foi desejado/a. Era para vir após a construção da nossa casinha, que começou este mês ao fim de 2 anos de projectos e aprovações mas quis o destino pregar-nos esta maravilhosa partida e dar-nos a benção de sermos seus pais.
Ainda não tinha chegado a altura para fazer um teste mas já me sentia diferente. As mamocas maiores e com dores, moínhas, sono, muito sono, dores de cabeça, fome. Como andava a tomar medicação para regular uma vez mais a minha tireoide (metibasol), fui ao endocrinologista e expliquei que provavelmente estaria grávida. Ele achou que seria improvável, contudo e se estivesse teria de suspender a medicação assim que tivesse certezas. Como sou teimosa e prefiro prevenir, parei logo nesse dia. Uma semana depois fiz um teste e deu negativo. Pensei que eram coisas da minha cabeça ou uma horrorosa TPM com sintomas que nunca tenho e tentei não pensar muito nisso. Uns dias depois 2 novos testes e nada. Ao fim de uns minutos a linha aparecia lá muitoooo sumida e apesar de esperançosa achava que podia ser a linha de evaporação. A 2 dias de vir o "Mr Red" fiz um da Clear Blue e desta forma tirava logo as teimas. Dois minutos, que me pareceram horas, o positivo :)

Não queria acreditar e ele quando soube também não! Mas depois do choque ficámos felizes pois que uma notícia destas é de felicidade plena. A mana ainda não sabe mas vamos preparando terreno aos poucos, perguntando coisas como "Que nome gostarias de dar ao bebé quando tivermos um?" ou então e como nasceu uma sobrinha nossa há poucas semanas perguntamos "Não gostavas de ter um bebé como a prima C.?" e ela entusiasmada diz que sim mas só se for menina :D

Nomes não temos nada definido como quando foi com a E. Há uma quantidade que nos soa bem mas ainda nenhum ficou colado ao ouvido como o dela. Veremos...

Por hora estou calma. Tão calma que quando marquei consulta para a GO disseram que ficaria para dia 16/02 e eu como sabia que pouco ou nada ia ver, adiei para dia 09/03, na gravidez da E. enquanto não fiz ecografia não descansei. Também mudei de GO, agora tenho uma médica a acompanhar-me. Penei muito quando fui ter a E. expliquei-lhe que tenho pânico de me voltar a sentir desamparada como me senti e para já ela garantiu-me que não ia voltar a acontecer. Vamos esperar.

Já comecei o ácido fólico e hei-de marcar consulta no medico de família. Por agora voltarei ao endocrino daqui a uns dias com o resultado de novas análises, o teste com um positivo "improvável" e logo vejo o que acontece com o meu hipertireoidismo, fazendo figas para que melhore nestes 9 meses ou não traga algum problema ao nosso bebé surpresa, tenho muito receio nesse aspecto.

Tenho menos 10 kg do que tinha aquando da primeira gravidez e vou tentar não engordar mais que 10kg nesta. Ao todo, desde que pari, nestes 4 anos perdi 43kg com muito exercício e a tentar comer saudavelmente, pelo que este bebé não terá a "boa vida" que a E. teve na minha barriga! :P Agora continuarei a fazer exercício mas com mais calma, muito creme para a frente para minimizar ainda mais as estrias que tenho e veremos se este corpitxo aguenta o que aí vem e se porta ainda melhor. Adeus minha querida barriga! Até daqui a um ano, sensivelmente. Se não nos virmos, sabe que chorarei por ti! Mas é por uma excelente causa ;)

E pronto são estas as nossas novidades! Temos o coração cheio, a casa cheia. Uma menina crescida, um bebecas a caminho, um cão, uma cadela, uma cachorra de 6 meses e uma gata para compor o ramalhete. Somos imensamente felizes e esta surpresa só veio mostrar mais ainda que somos abençoados, que mal ou bem temos tido imensa sorte e apesar de às vezes acharmos que andamos a bailar com a mais feia da festa, a vida tem sorrido bastante para nós!

Amor, saúde e trabalho que nunca nos falte!

E aqui fica o primeiro registo desta nova aventura!



Agora a big sister, com uns belissimos e terriveis 4 anos está uma menina linda, encantadora! Não é por ser minha filha mas tenho imenso orgulho nela por ser assim tão... ela! Faz imensos disparates, é cabeça de vento, perde tudo, dá tudo, adora beijos e abraços, adora colo e cavalitas, chama a atenção, faz birras se não lhe damos algo, faz chantagem se não brincamos logo mas se lhe explicarmos as coisas com calma ela percebe e já recebi um "Mãe, tens razão!" sem grande dificuldade. Fica muito emotiva com os problemas dos outros, muito sensível mas depois tem alturas que esquece os sentimentos dos semelhantes e desata a fazer disparates. Adora aprender, adora tablets e telefones, ama andar na rua a correr no parque, com os cães, com os primos. Adora ir passear pela aldeia, ir ao café, jogar matraquilhos comigo e com o pai. Visitar a família, encontrar algum amiguinho pelo caminho para brincar. Ela grita, ri, aquela gargalhada mesmo gostosa que enche o coração. Chora com a mesma intensidade para depois passar com um beijo nosso. Adora pintar unhas e os lábios, saias, sapatos e princesas! Por ela ia de bailarina todos os dias para a escola. Vaidosa como só ela. Deito-me ao fim do dia e sei que ela é feliz! E durante a noite revive o seu dia e é ouvi-la a falar, rir, remexer-se e por vezes até sentar-se na cama a falar com os seus sonhos! Uma casa cheia a minha filha! Uma surpresa a cada dia! É o nosso sonho de menina!

Vamos ver o que nos reservam os próximos meses e que novas aventuras nos esperam!

Beijinho muito grande!